Eu estou aqui:   Início >> EM DESTAQUE >> SOBRE O JOGO >> A internacional portuguesa Dolores Silva vai jogar no Duisburg da Alemanha

A internacional portuguesa Dolores Silva vai jogar no Duisburg da Alemanha

Terça, 28 Junho 2011

AA_Dolores_SilvaDolores Silva é a mais recente “emigrante” do Futebol Feminino Português. A sua polivalência – tanto pode actuar como lateral (no corredor direito ou esquerdo), centro-campista ou numa posição intermédia mais ofensiva –, qualidade técnica e determinação chamaram a atenção de um dos colossos mundiais, o Duisburgo da Alemanha.

 

Aos 19 anos, mais do que uma promessa, Dolores é já uma certeza do Futebol Feminino Português e espera que esta experiência na liga germânica possa servir para evoluir ainda mais.

 

“O convite do Duisburgo deixou-me muito feliz e orgulhosa, tanto mais que, na minha opinião, o campeonato alemão é, neste momento, o mais forte do Mundo”, começou por dizer, em declarações ao fpf.pt.

 

Com o arranque dos trabalhos marcados para 4 de Julho, Dolores Silva não esconde o entusiasmo com que aguarda o início desta aventura. “Vou para uma equipa de sonho, que venceu a Liga dos Campeões na temporada 2008/2009 e, por isso, acredito que vai ser um desafio fantástico. Espero que esta experiência me permita aprender e evoluir como jogadora. É para isso que eu trabalho todos os dias. Este é, sem dúvida, o concretizar de um sonho que tenho desde muito pequena e que passa por singrar no mundo do Futebol”, explicou.

 

“Lembro-me de ver alguns jogos da Liga dos Campeões Feminina e de pensar: quem me dera um dia estar ali. É, por isso, muito compensador conseguir chegar a um clube com esta grandeza e ter a oportunidade de trabalhar com algumas das melhores jogadoras da modalidade”, confidenciou.

 

A internacional lusa – que começou a competir no escalão de infantil no Real Massamá, onde se manteve durante três anos, até ter rumado ao 1º de Dezembro, emblema que representa desde os 13 – mostra-se confiante numa rápida adaptação ao clube e ao próprio país. “Penso que a maior dificuldade será a aprendizagem da língua alemã, mas, como em tudo na vida, temos de nos saber adaptar às circunstâncias que nos rodeiam e tenho a certeza que o vou conseguir”, garantiu.

 

Dolores Silva considera que o crescente número de atletas lusas a actuar no estrangeiro é algo que beneficia o nosso Futebol. “A nossa Selecção tem evoluído muito ao longo dos últimos anos e isso deve-se, em grande medida, ao facto de algumas jogadoras terem saído para campeonato mais competitivos que o nosso, que permitem às atletas ter uma outra preparação, mais capacidade física e novas aprendizagens. É, sem dúvida, uma mais-valia para o desenvolvimento do Futebol Feminino em Portugal”.

 

Com 19 jogos disputados pela Selecção “A” e 21 pelas Sub-19, Dolores Silva tem acompanhado com interesse o arranque do Mundial, que está a decorrer na Alemanha, e não esconde aquele que é o maior objectivo da sua carreira. “Disputar a fase final de um Campeonato da Europa ou do Mundo com a Camisola da Selecção Nacional seria algo de inesquecível e uma meta que espero cumprir”, rematou.

 

Fonte:

fpf.pt


rssfeed
Email Drucken Favoriten Twitter Facebook blogger google Yahoo
Não te cales!Não te cales! Exige a igualdade de prémios no Desporto! Clica para denunciar >>